Montando o Sistema Solar – Apresentação

Como um apaixonado pela ciência – em especial a astronomia – sempre fui fascinado pelo Sistema Solar – o Sol, os planetas, as luas, asteroides e cometas – e desde criança esse é o tipo de literatura que me atrai, tendo colecionado várias publicações a respeito numa época em que as revistas impressas e os livros em bibliotecas eram as principais – senão as únicas – fontes de conhecimento disponíveis.  Lembro-me que foi com uma dessas publicações, uma calculadora científica, lápis, papel e um transferidor que calculei a rota do cometa Halley no final de 1985 e início de 1986 para facilitar a localização do mesmo no céu durante minhas observações. Smiley nerd

Agora, na era da Internet, onde as publicações impressas em fascículos estão ficando escassas, substituídas pelas consultas online diretamente no computador e aplicativos espetaculares que nos permitem “viajar” a qualquer lugar do planeta, a descoberta de uma publicação ímpar e rara, com edição limitada, fez-me voltar no tempo e iniciar uma nova coleção sobre o nosso Sistema Solar.

Trata-se da obra: Monte e Descubra o Sistema Solar, da Editora Planeta DeAgostini do Brasil Ltda., que nos presenteia com esta fascinante coleção.  Parabéns a editora e aos produtores da obra.

Claro, não foi apenas pela publicação impressa em si, pois o conteúdo informativo sobre o Sistema Solar pode ser facilmente encontrado em sites especializados na Internet, mas pelo que a mesma contém e me proporcionará: a construção de um planetário. 

Na verdade serão duas construções: o planetário baseado em nosso Sistema Solar, com o modelo definido pela IAU (União Astronômica Internacional) em 24 de agosto de 2006, data em que uma nova definição dos planetas incluíram Ceres e Éris como novos planetas anões, juntamente com Plutão que foi “rebaixado” de categoria; e o magnífico sistema Terra-Lua-Sol.  A conclusão dos trabalhos, no entanto, levará meses, uma vez que os módulos de montagem serão distribuídos em etapas e, em cada uma delas, fases.

No meu primeiro contato com as peças do planetário pude constatar a alta qualidade do material utilizado.  Realmente impressionante, pelo peso, consistência e precisão nos detalhes, dando a certeza de um material de grande resistência.  As engrenagens são de latão maciço e as peças fixas são de chapas de latão, enquanto os planetas são de chapas metálicas e as luas de metal maciço.  No final, todo o conjunto será movido a eletricidade para dar o movimento real dos planetas em torno do Sol.

Um pouco de História

O primeiro planetário foi encomendado em 1704 por Charles Boyle, o quarto conde de Orrery, ao famoso fabricante de instrumentos John Rowney.  O conde cedeu seu título ao modelo, que no Reino Unido passou a ser conhecido como “Orrery”.  Hoje o nome pode parecer estranho, mas naquela época o tempo era rapidamente reconhecido como o título de uma propriedade perto de Cork, na Irlanda.  O modelo original do planetário foi criado pelo famoso relojoeiro e inventor londrino George Graham, que cedeu a John Rowney os direitos de reprodução. 


O modelo de planetário que irei montar foi desenhado e fabricado originalmente pelo artista londrino Louis Calmels, inspirado nos instrumentos científicos clássicos dos séculos XVII e XVIII e construído durante seu tempo livre.  É um fruto do seu fascínio pela astronomia e um testemunho de como o Sistema Solar é conhecido hoje.  É realmente louvável o trabalho deste artista.

planetario
Figura 1 – Aspecto do planetário criado por Louis Calmels e que acompanha a obra “Monte e Descubra o Sistema Solar” da Editora Planeta DeAgostini

Postarei aqui a minha experiência durante a montagem do planetário, ao mesmo tempo em que darei informações científicas a respeito de cada corpo celeste envolvido na etapa/fase abordada.  Então, se você curte ciência e astronomia, fique ligado nos próximos posts. Smiley piscando

Anúncios

2 comentários sobre “Montando o Sistema Solar – Apresentação

    • Carlos Moisés 28 de outubro de 2017 / 19:39

      Olá Edson, obrigado pelo comentário.
      Respondendo sua pergunta, ainda não. Minhas atividades profissionais ultimamente não me tem permitido o tempo necessário. Quando ocorrer, documentarei aqui no blog, OK? Abraços.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s